dicas · Usados E Testados

Review: Copo Mentrual

Há umas semanas fiz aqui uma publicação sobre o copo menstrual, que adquiri no ebay. Já há algum tempo que tinha ouvido falar sobre alternativas aos pensos higiénicos e tampões, e queria mesmo experimentar o copo pelas vantagens que se dizia ter em relação às outras opções. Finalmente encontrei um copo menstrual a um preço razoável e segue agora a minha experiência com o mesmo.

Antes de me alargar em vantagens e desvantagens, quero apenas dizer que esta se tornou a minha opcção favorita. Não voltarei para os tampões, muito menos para os pensos. Mas vamos lá falar disto com mais detalhe (segurem-se que vem aí um post longo!).

Para começar, o copo que adquiri foi este:

71qptmPMquL._SY355_

É da marca Silkycup, produzido na India, e existe em três tamanhos: S (para adolescentes), M (para mulheres abaixo dos 30 ou que nunca tenham tido um filho) e L (para mulheres que já passaram por um parto). Custou-me 10 dollars, e podem adquri-lo aqui. Chegou no correio passado umas semanas.

Além do próprio copo menstrual, traz também um saquinho para o guardar e um manual de instruções. O manual de instruções fala sobre o material de que o copo é feito mas também traz dicas sobre como colocá-lo, como lavá-lo e mantê-lo, etc.

O tamanho que eu adquiri, o M, tem uma capacidade de 24ml. Parece pouco, mas é mais do que suficiente. Aqui fica para uma melhor ideia do tamanho.

A primeira reacção ao ver o tamanho do copo é, obviamente, Isso é enorme, nem pensar que eu vou colocar isso por ali acima! Calma. O copo não é colocado aberto – os tampões também se abrem após a colocação, tal como o copo – e foi especialmente feito para se adaptar à nossa anatomia.

Quando recebi o copo estava curiosa para o experimentar. Ao contrário dos tampões, o copo pode ser colocado mesmo sem haver fluxo menstrual, – não há risco de choque tóxico – o que nos pode deixar descansadas quando sabemos que o período está para chegar nesse dia, mas não queremos ser apanhadas desprevenidas. Colocamos o copo e podemos ir aonde bem nos apetecer, sem risco de surpresas indesejadas. Por causa disso, decidi experimentar o copo antes de estar com o período, para me adaptar quando realmente precisasse de o usar.

Não, não foi logo easy peasy. Mas vamos começar por falar nos materiais que devemos ter quando adquirimos um copo destes:

  • Um pequeno caneco de metal para esterilizar, ou um copo esterilizador, que pode ser comprado aqui ou aqui (na minha opinião, o caneco é mais barato e mais fácil, a única desvantagem é ocupar mais espaço. Só uso o meu para este efeito, então deixo-o no armário da casa de banho);
  • Sabonete natural sem perfume, à base de água (não usar sabonetes à base de óleo);
  • Lubrificante à base de água (se for compatível com preservativos, dá. Existem várias marcas conhecidas como a K-Y gel, mas qualquer um à base de água serve.)

DSCF9408.JPG

O caneco, como dito acima, serve para esterilizar o copo. Eu esterilizei o meu antes da primeira utilização e de cada vez que o meu período acaba e não o usarei até ao mês seguinte. É suficiente. Entre as utilizações mensais guardo o copo no saquinho que eles oferecem.

O sabonete natural serve para lavar o copo entre cada utilização. Depois de retirado o copo e o conteúdo despejado na sanita, pega-se num bocadinho de sabonete e lava-se o copo. Passa-se bem por água e volta-se a inserir. Também existem à venda toalhitas e loções para este efeito, mas acho que são uma despesa desnecessaria (nota: se comprarem um copo transparente é natural que fique um pouco manchado, mas continua em perfeitas condições).

O lubrificante só utilizei quando quis experimentar o copo antes de começar o período. Na altura em que estava com o período, mesmo nos dias com menos fluxo, não precisei de o utilizar. No entanto, toda a gente é diferente, por isso convém ter lubrificante à mão para facilitar a colocação. Lubrificante à base de água, pois o óleo não é bom para o material de que estes copos são feitos (silicone ou TPE).

Agora, falando da colocação em si, levou-me ainda umas quatro ou cinco tentativas para conseguir com que o copo ficasse no sítio. O problema nem foi colocá-lo, foi conseguir que o copo abrisse. O copo que eu comprei não tem os dois buracos que quase todos os copos menstruais costumam ter no topo, para formar sucção uma vez inseridos, e isso dificultou o processo, mas foi uma questão de prática.

Muheres que usam o DIU devem falar primeiro com o médico.

Por isso, vamos falar de formas de dobrar o copo para inserir (vou dar os nomes em Inglês):

  • Punch Down Fold

Com o dedo indicador empurra-se um lado do copo para baixo e depois dobra-se o copo a meio (se o vosso copo tiver os tais dois buracos de cada lado, convém a parte que se empurra para baixo conter um desses buracos, isso vai ajudar na abertura do copo). Insere-se com a parte dobrada virada para cima.

  • C Fold

Uma das formas de dobrar mais comum. É só dobrar o copo a meio, de forma a formar um C. Insere-se com a parte aberta para cima.

  • 7 Fold

Espalma-se o copo e depois dobra-se um dos lados para baixo, a formar um 7. Insere-se com a parte dobrada para cima.

 

Há outras formas de colocação, que podem ser pesquisadas online. A minha favorita é a punch down fold, simplesmente porque a parte a ser inserida fica practicamente do tamanho de um tampão e desliza melhor. Deve ser inserido não para cima, mas ligeiramente em direcção às costas. Como mencionei acima, o meu copo não tem buracos de sucção, então eu insiro o copo usando a punch down fold e depois, com  o indicador e o polegar seguro/aperto a base do copo e, com o dedo indicador, empurro a parte que fica dobrada para cima de forma a conseguir abrir o copo. A princípio vai parecer que o copo não está aberto, porque a vagina tem músculos que o vão achatar mas, depois de nos levantarmos, se sentirmos o copo com o dedo indicador, vamos ver que a base está redonda/ovalada a toda a volta, ou seja, o copo está aberto. É uma questão de ir experimentado o que se adapta melhor a cada um. Há quem consiga que o copo abra imediatamente, sem recorrer a truques destes.

Se continuarem com problemas na colocação, podem  experimentar formas diferentes de colocar o copo: de cócoras, no duche, com uma das pernas levantada como aparece nas instrucções de colocação de tampões, até se habituarem e serem capazes de o colocar sentadas na sanita. Não desistam logo.

Como retirar:

Retirar é ainda mais simples do que colocar. Já notaram que os copos menstruais têm um pequeno caule na base. Esse caule serve para conseguirmos chegar ao copo mais facilmente. A forma como o copo fica colocado depende do colo do útero. Há quem tenha o colo do útero mais alto ou mais baixo. Assim, o copo vai ficar mais ou menos à entrada da vagina.

Convém apontar para o facto de que o colo do útero varia nas várias fases da ovulação. Eu tenho um colo do útero alto (o colo do útero sente-se como se fosse a ponta do nariz, procurem onde está o vosso), mas na altura do período estava mais baixo. Assim, precisei de cortar aquele caule até à base do copo. O caule é mesmo para cortar como for preciso, tendo o cuidado de não furar a base do copo, e não é suposto ficar fora da vagina. Se, mesmo depois de cortado, o copo ainda fica de fora da vagina – ficar na entrada é normal – significa que o vosso colo do útero é bastante baixo, então têm de comprar outro modelo de copo, mais pequeno.

Para retirar o copo eu não uso o caule, porque acho menos confortável e menos simples. Com o dedo indicador e o polegar agarro a base do copo – e não, não vai virar o sangue para fora do copo, e se virar isto é feito na sanita, não tem qualquer problema – e puxo devagar. Se for necessário pode-se ir movendo o copo de um lado e do outro, sempre agarrando a base, para quebrar a sucção e o copo ir saindo devagarinho. No entanto, mais para o final do período, pode tornar-se mais dificil agarrar a base do copo, porque a posição do colo do útero mudou e ficou mais alta. Nada de pânico! Basta usar os músculos como se fossemos fazer um #2, o que empurra o copo para baixo e o torna tão simples de tirar quanto antes.

Para mim, ao fim de uma semana de utilização, colocar e retirar o copo tornou-se easy peasy.

Em relação à capacidade do copo, ele pode estar colocado por 10 a 12 horas sem encher completamente. Eu tenho bastante fluxo no segundo e terceiro dias do período – sempre usei tampões super nestes dois dias – e, mesmo assim, num dia inteiro nunca enchi mais do que metade do copo. Por isso, a maior parte das vezes é possível colocar o copo de manhã, sair para fazer o que há a fazer o dia todo, sem nos preocuparmos em ter de trocar o copo.

Mas, para quem quer jogar pelo seguro e mudar o copo mesmo em viagem, aqui vão umas dicas.

O que é preciso:

  • Um mini-saco para fraldas (wet bag)

Para quem quer trocar o copo em viagem, o ideal é ter um segundo copo. Assim, levamo-lo na carteira como qualquer tampão e, na hora de trocar, é só inserir um copo limpo. Mas, o que fazer com o tampão sujo? Muito simples: despeja-se o conteúdo na sanita, limpa-se um pouco com papel higiénico (ou as tais toalhitas próprias, de que falei no início), e depois guarda-se num desses mini-wet bags que há à venda em várias lojas. Eu encomendei alguns da loja online Aliexpress, mas também se pode encontrar os mesmos no ebay. Estes sacos são impermeáveis e concebidos para que os odores não passem.

Existem também copos compactos, como da marca Lily Cup para levar na carteira mas, para trocar em viagem, requer na mesma um wet-bag e um segundo copo.

whatsnew_lily_cup_compact_254x214.png

Ou, se preferirem uma opção mais em conta, há algo parecido no ebay, por volta de 10 dollars.

menstrual-cup-compact-collapsible-silicone.jpg

Quem não quer/pode comprar um segundo copo, pode sempre optar por ter uma garrafa de água consigo para enxaguar o copo e voltar a inserir ou, em caso de não haver outra forma, basta limpar o copo com papel higiénico, voltar a inserir e depois, em casa, lavá-lo com calma. Desde que não fiquem restos de papel lá colados não há qualquer problema. É preciso desenrascar sem grandes dramas.

De momento estou à espera que este copo compacto acima, o da ebay, me chegue para poder também fazer uma review. No futuro, espero ter oportunidade de experimentar outras marcas. Decidi experimentar da mesma forma pensos higiénicos descartáveis, adquiri alguns no site Aliexpress, em breve colocarei aqui a minha opinião sobre isso.

Há muitas marcas de copos menstruais por onde escolher, a vários preços. Basta uma pequena pesquisa online para seleccionar a melhor opção para nós. É mais económico a longo prazo, mais cómodo e, principalmente, é amigo do ambiente.

Fica aqui um vendedor online em Portugal (podem sempre optar pelo ebay, obviamente): https://www.facebook.com/Melunaportugal/

Deixo também o canal de youtube de uma rapariga inglesa que começou a fazer reviews de copos e outros produtos de higiene reutilizáveis aos 16 anos e é uma fonte inesgotável de informação e dicas. Em inglês.

 

Espero que o post tenha sido esclarecedor, se tiverem alguma dúvida, deixem nos comentários!

Anúncios

5 thoughts on “Review: Copo Mentrual

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s